Nova Monte Verde

22.Set.2018

(66) 9.9920-7732

Notícia

Postada em 06 de Setembro de 2018 às 05h49min

Investimento em tecnologia vai determinar o futuro do agronegócio

Com um consumidor final cada vez mais exigente, Embrapa alerta que produtores rurais precisam se adaptar

Fonte: Canal Rural

O controle de decisões ligadas à cadeia produtiva, como irrigação e aplicação de fertilizantes e insumos, pode ser feito de forma automatizada, possibilitando um maior controle das condições da lavoura. Investimento em tecnologia é tendência para os próximos anos, segundo a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa). “Você já tem sensores e equipamentos obtendo informações online para auxiliar em todo processo produtivo, desde o plantio até a pós-produção”, diz a chefe da unidade Informática Agropecuária, Silvia Massruhá.

Para a pesquisadora, resta usar esse conhecimento nas tomadas de decisão, reduzindo custos e aumentando a produtividade e o rendimento do negócio. O coordenador do Instituto Interamericano de Cooperação para Agricultura (IICA), Caio Rocha, defende que a disseminação das práticas precisa de apoio governamental. “Nos últimos 20 anos, se pegarmos terra, capital, trabalho e tecnologia, o que mais agregou foi a tecnologia”, afirma.

A Associação Brasileira dos Produtores de Algodão (Abrapa) já descobriu as vantagens de investir em tecnologia e automatização. Há dois anos, foi montado o Centro Brasileiro de Referência em Análise de Algodão (CBRA), em Brasília, capaz de analisar centenas de amostras por dia. “O objetivo é preparar amostras de referência, para que os laboratórios possam fazer uma checagem e garantir, ao fim do processo, que o comprador final receba o resultado conforme a análise”, explica o gerente do laboratório, Edson Mizoguchi. A credibilidade junto ao mercado, segundo ele, pode ser traduzida em preços melhores.

Conectando campo e cidade
A nutróloga Bruna Pitaluga não sabia como indicar aos pacientes onde comprar produtos orgânicos. Desta necessidade, nasceu um sistema de entrega de alimentos sob demanda. Foi Guaíra Flor, amiga da médica, quem comprou a ideia e passou a oferecer o serviço.

A empresária conta com dezenas de pequenos produtores rurais certificados. Ela diz que o trabalho é importante já que esses agricultores acabam dedicando muito tempo à terra e não conseguem acessar o celular. “Como eles não têm carro, a gente acabou assumindo a logística também”, conta Guaíra.

Segundo o chefe da Embrapa Agroindústria, Lucas Leite, fatores como a urbanização crescente, onde o tempo é cada vez mais precioso, e o envelhecimento da população contribuem para o aumento da importância daquilo que é consumido no dia a dia. “Agricultura não é mais só sinônimo de alimento, fibras e energia. É também de nutrição, saúde, apelo gourmet e serviços ambientais”, afirma.

Peça sua música

Top 5

1

Ar Condicionado No 15

Wesley Safadão

2

Na Conta Da Loucura

Bruno & Marrone

3

Regime Fechado

Simone & Simaria

4

Aquela Pessoa

Henrique & Juliano

5

TE AMO MAS AINDA ME AMO MAIS

HENRIQUE SALLES

Promoção